ABERTAS AS INSCRIÇÕES DA 4ª MOSTRA DE CORAIS DE FLORIANÓPOLIS

ABERTAS AS INSCRIÇÕES DA 4ª MOSTRA DE CORAIS DE FLORIANÓPOLIS

Prazo para grupos do Brasil e do exterior encerra no dia 2 de outubro

Está aberto o período de inscrição para a 4ª Mostra de Corais de Florianópolis, que será realizada nos dias 17 e 18 de novembro, no Teatro Governador Pedro Ivo, anexo ao Centro Administrativo do Governo do Estado de Santa Catarina. Podem participar formações vocais do Brasil e do exterior, de qualquer faixa etária, estilo e gênero musical, com repertório mínimo de três músicas e duração máxima de quinze minutos.

O envio das fichas, disponíveis para preenchimento somente via online no site www.mostradecorais.com.br , e do comprovante de pagamento das taxas deve ser feito até o dia 2 de outubro, porém, o prazo pode ser encerrado antes devido ao número limitado de apresentações por sessão.

Neste ano, o valor da inscrição por corista foi dividido em dois patamares: R$ 35 em grupos com até 15 integrantes e R$ 30 em grupos maiores. “Sabemos da dificuldade de coros com um número grande de participantes. A medida foi para facilitar o acesso de todos”, explica Carlos Eduardo de Andrade, presidente do Instituto Cultural Desterro (ICD), realizador do evento. Coordenadores, diretores e regentes são isentos de pagamento.

A Mostra de Corais de Florianópolis não tem caráter competitivo. Seu objetivo é promover o intercâmbio, a difusão, a integração, o incentivo, o desenvolvimento e o fortalecimento de laços entre corais de todas as procedências e o público. Além da mostra oficial, estão previstas atividades paralelas, como workshops.

Vídeo
Assista ao vídeo com imagens da edição de 2017, acessando o link vimeo.com/251359128 .

Mostra de Corais de Florianópolis
Site: www.mostradecorais.com.br
Facebook: MostradeCorais

Posts Relacionados

Óbidos: uma vila portuguesa para os amantes de literatura

Parceiros da Educação lanca Campanha de financiamento coletivo para escolas da rede pública de SP

INSTITUTO AYRTON SENNA INAUGURA EXPOSIÇÃO “O LEGADO DE UM ÍDOLO” NO METRÔ DE SÃO PAULO