Grupo Feminino da USP apresenta “O Canto das Sereias” na Casa-Museu Ema Klabin

24 de junho de 2019 Artes e Cultura
Grupo Feminino da USP apresenta “O Canto das Sereias” na Casa-Museu Ema Klabin

Grupo Feminino da USP apresenta “O Canto das Sereias” na Casa-Museu Ema Klabin

Coral traz um repertório que valoriza a presença feminina, seja na composição, no arranjo, na temática ou na interpretação

Coral da Usp traz clássicos de Heitor Villa Lobos, Queen, Luiz Gonzaga, Tom Zé,  entre outros.

Foto divulgação.

Dia 29 de junho, sábado,  às 16h30, o Coral Grupo Feminino (USP)  apresenta o projeto “O canto das sereias”,  na Casa-Museu Ema Klabin. O concerto tem entrada franca.

Regido por Paula Christina Monteiro, o projeto tem por objetivo divulgar a obra coral composta para vozes femininas, com  peças eruditas e populares, sacras e profanas, a capella ou com acompanhamento de piano e percussão.

No repertório: Thomas Ravernscroft (Three Country dances-Robin Hood), Henry Purcell (I gave her cakes) , Dulce Pontes (Modinha das Saias – arr.: Jetse Bremer), Heitor Villa Lobos (Missa São Sebastião – Kyrie, – Sanctus) , Gabriel Fauré (Tantum Ergo), Medley de “Mudança de Hábito”(Hail Holy), Queen (I will follow Him – Arr.: Mac Huff), Canção tradicional do Quênia -Ning Wendete (arr.: Lana Walter), Luiz Gonzaga (Assum Preto -Arr.: Alberto Cunha), Tom Zé (Augusta, Angélica e Consolação-Arr.: Paula Christina Monteiro), Vicente Matos/Dinoel/Arlindo Veloso(Lenda das Sereias – Arr: Selma Boragian)

Sobre o Coral da Usp:

Com um variado repertório que combina nomes da música brasileira e mundial, o CORALUSP é detentor de 5 premiações da APCA – Associação Paulista de Críticos de Artes, conquistando a opinião crítica e o reconhecimento do público por seu repertório e execução de espetáculos ao longo de 50 anos. Fundado em 1967 e em constante atividade desde então, o CORALUSP vem desenvolvendo um estilo próprio, que hoje é formado por 15 coros, 1 oficina coral, 7 regentes, 6 orientadores de técnica vocal e por volta de 560 coralistas, que se apresentam para públicos variados dentro e fora da Universidade. Construiu em seus 50 anos uma trajetória que inclui apresentações nos Estados Unidos, África, Europa e Argentina. Faz parte do quadro da Pró-Reitoria de Cultura e Extensão da Universidade de São Paulo – PRCEU/USP e foi contemplado por programas internacionais, como o Programa de Intercâmbio e Atividades de Cultura e Extensão da PRCEU/USP, levando ritmos brasileiros ao Berklee College of Music, em Valência, na Espanha, à Pontifícia Universidad Javeriana de Bogotá, Colômbia, e à École Nationale de Musique, em Villeurbanne, na França. Em junho de 2017, o CORALUSP recebeu o Colar Guilherme de Almeida, da Câmara Municipal de São Paulo.

Serviço:

Programa Tardes Musicais :  Grupo Feminino “O canto das sereias “

Data: 29/06 sábado

Horário:  16h30

Entrada franca

170 vagas por ordem de chegada

Local : Fundação Ema Klabin

Endereço: Rua Portugal, 43, Jardim Europa – São Paulo.  Tel: 11 3897-3232

http://emaklabin.org.br/

Ouça: https://www.youtube.com/watch?v=e4g4JY21Kao&feature=youtu.be

Copyright ©2018. Todos os direitos reservados.