Pesquisa avalia impacto do Aprendiz Legal na vida dos jovens brasileiros

14 de março de 2019 Atualidades
Pesquisa avalia impacto do Aprendiz Legal na vida dos jovens brasileiros

Pesquisa avalia impacto do Aprendiz Legal na vida dos jovens brasileiros

Foram realizadas 1,8 mil entrevistas com egressos do programa de aprendizagem, que concluíram entre 2016 e 2017

Realizado por meio de uma parceria entre o Centro de Integração Empresa-Escola (CIEE) e a Fundação Roberto Marinho, o Aprendiz Legal foi bem avaliado em pesquisa realizada com jovens egressos. O programa alcançou índice de recomendação de 9,6, em uma escala de 1 a 10. O levantamento foi encomendado ao Instituto Datafolha, que realizou 1,8 mil entrevistas com participantes que concluíram a aprendizagem entre 2016 e 2017.

Para facilitar o entendimento sobre o real impacto da aprendizagem na sociedade e principalmente na vida dos egressos, os resultados foram apresentados nesta terça-feira (12/03 ), no Foyer do Teatro CIEE, no bairro do Itaim Bibi, em São Paulo/SP. De acordo com o levantamento, 76% dos egressos estão trabalhando ou estudando. Além disso, 25% foram efetivados. A pesquisa também identificou aspectos sociais importantes para compreender o perfil do jovem aprendiz, tais como renda familiar, escolaridade, e informações sobre expectativas em relação ao futuro profissional.

“Em 55 anos de história, o CIEE é reconhecido nacionalmente por abrir as portas do mundo do trabalho para mais 4,5 milhões de estudantes como estagiários e outros 500 mil como aprendizes. Como forma de sublinhar este propósito, o programa Aprendiz Legal, desenvolvido em parceria com a Fundação Roberto Marinho tem sido importante, uma vez que oferece perspectivas para cada vez mais jovens em todo o País”, resumiu o Superintendente Geral do CIEE, Humberto Casagrande.

Copyright ©2018. Todos os direitos reservados.