Universíade de Verão: medalha na natação e estreia “estranha” de Paulo André no atletismo

11 de julho de 2019 Esportes
Universíade de Verão: medalha na natação e estreia “estranha” de Paulo André no atletismo

Universíade de Verão: medalha na natação e estreia “estranha” de Paulo André no atletismo

Foto: Saulo Cruz/CBDU

O Brasil conquistou mais uma medalha na Universíade de Napoli. Nesta segunda-feira (8), o nadador Marco Antônio Júnior completou os 100m livre em 48’57” – seu melhor tempo em 2019 – e ficou com o bronze na Piscina Scandone, em Nápoles.

Essa é a segunda medalha do atleta de 21 anos na competição; ele, junto com Luiz Gustavo Borges, Gabriel Ogawa e Felipe Ribeiro, fez parte do quarteto que ganhou a prata no revezamento 4x100m.

Marco ainda compete em duas provas: no revezamento 4x200m livre na terça-feira (9) e no revezamento 4x100m medley na quarta-feira (10).

Até agora, o Brasil conquistou outras cinco medalhas na Universíade – três bronzes no judô, um bronze na ginástica artística e uma prata na natação.

Para ver o video da vitória, clique aqui.

Atletismo

Os atletas Rodrigo do Nascimento e Paulo André estrearam hoje nas eliminatórias dos 100m livre e garantiram seu lugar nas semifinais, que acontecem na terça-feira (9).

Paulo André teve um problema no início da prova, em que o bloco escorregou, e diz ter se sentido prejudicado na prova. “Me perdi um pouco. Foi um começo estranho. Agora é colocar a cabeça no lugar, me concentrar, porque amanhã tem semi e final. Agora é virar a página. Estou feliz, mas queria ter começado melhor, mais confiante”, explica o atleta que ainda competirá a prova de 200m e de revezamento 4x100m.

Copyright ©2018. Todos os direitos reservados.