40tena Cultural apresenta oficina de charges e tirinhas

20 de maio de 2021 Divulgação
40tena Cultural apresenta oficina de charges e tirinhas

40tena Cultural apresenta oficina de charges e tirinhas e encontro do Núcleo de Contadores de Histórias

 

Atividades começam na próxima terça-feira (18) com a participação do chargista Thomas Larson. Na quarta-feira (19), é a vez do cartunista Carlos Ruas ministrar a oficina. No sábado (22), acontece mais um encontro do tradicional Núcleo de Contadores de Histórias, dessa vez, com a coordenação da contadora de histórias e atriz, Monalisa Machado. Todas as atividades on-line são gratuitas e abertas à população

 

A Fundação do Livro e Leitura de Ribeirão Preto anuncia a agenda de atividades da 40tena Cultural desta semana. A programação começa na terça-feira (18/5) com a primeira aula da oficina on-line “Processos de Criação de Charges e Tirinhas”, com o chargista Thomas Larson. A segunda aula será na quarta-feira (19/05), com o cartunista Carlos Ruas. As atividades são gratuitas e acontecem na plataforma de reuniões ZOOM, das 19h30 às 21h, sendo necessária a inscrição pelo site (www.fundacaodolivroeleiturarp.com). Para os participantes das duas aulas, haverá emissão de certificado.

 

Thomas Larson, também conhecido como Thomate, é de Ribeirão Preto e trabalha com animação, cartuns e ilustrações. Atualmente reside em São Paulo, onde trabalha como diretor de animação em longas metragens e séries de animação. Trabalhou durante 12 anos no Jornal A Cidade, em Ribeirão Preto. “Durante a oficina, vamos trocar ideias sobre as diferenças dos estilos, narrativas e desenhos das charges, cartoons, tirinhas e quadrinhos”, explica o chargista que também dirigiu “Rái Sossaith”, curta metragem e série em animação publicada no YouTube, Canal Brasil e Comedy Central. O chargista acredita que o formato de imprensa em que trabalhava está mudando, por conta do uso de novas tecnologias e a internet na produção de conteúdo. “A mudança não é apenas na mídia, mas na forma de divulgar nosso trabalho”, comenta.

 

Na quarta-feira (19), também às 19h30, quem assume a oficina é o designer gráfico e cartunista brasileiro, Carlos Ruas, conhecido pela webcomic “Um Sábado Qualquer”, “Mundo Avesso” e “Cães e Gatos” – três universos distintos e criativos que compõem a sua obra. Nasceu em 1985, em Niterói (RJ) e, desde cedo, demonstrou interesse e talento para o desenho. Ruas é formado em desenho industrial e atua profissionalmente em desenho de quadrinhos desde 2010. Em 2012, recebeu o Troféu HQ Mix (o “Oscar” dos quadrinhos brasileiros) na categoria web tira, e em 2015, o livro “Êxodo: nos bastidores da bíblia” conquistou o 32° Troféu Angelo Agostini. O sucesso das tirinhas que abordavam as religiões com humor e irreverência possibilitou que, em 2011, o “Um Sábado Qualquer” fosse um dos blogs de quadrinhos mais acessados do país, conquistando um público diversificado e aberto à reflexão. Ruas participou do livro em homenagem a Mauricio de Sousa, “MSP novos 50”, e tem sete livros publicados: seu 4° livro, “A infância de Cristo”, arrecadou R$ 280 mil na plataforma Catarse, batendo o recorde de maior arrecadação nerd.

 

Núcleo de Contadores de Histórias

No sábado (22/5), às 10h, acontece, na plataforma de reuniões Zoom, mais um encontro do Núcleo de Contadores de Histórias. Dessa vez, a coordenação e mediação é da contadora de histórias e atriz, Monalisa Machado.

 

A atriz, que atua em projetos teatrais e literários, é também aprendiz de escritora e foi integrante do grupo teatral Engasga Gato. A escolha do tema “Mar – profundeza e horizonte”, se deu, segundo ela, pela sua forte ligação com o mar: “uma união até poética por vezes”. Monalisa adianta que o encontro será para contar e ouvir as tantas histórias que navegam sobre o oceano, “aquelas que têm os pés na areia e o coração que pulsa no ritmo do vai e vem das ondas”. A atriz acrescenta que os participantes podem esperar do encontro uma mistura de beleza, aconchego e tudo o que o tema possa proporcionar. “Vivemos tempos de introspecção. Por aqui, a saudade daquele tipo de horizonte que só a vista do mar consegue proporcionar aparece sempre. Em seu livro ‘O Beijo da Palavrinha’, Mia Couto escreveu que ‘quem nunca viu o mar, não sabe o que é chorar'”, adianta.

Para participar do encontro on-line, que é aberto e gratuito, basta acessar o link na BIO do Instagram da Fundação do Livro e Leitura de Ribeirão Preto (@fundacaolivrorp).

 

SERVIÇO:

Oficina “Processos de criação de charges e tirinhas” – aula 1

Com Thomas Larson, chargista

Data: 18 de maio (terça-feira)

Horário: 19h30 às 21h

Plataformas de exibição: Plataforma de reuniões Zoom, com inscrições no www.fundacaodolivroeleiturarp.com. As vagas são limitadas.

 

Oficina “Processos de criação de charges e tirinhas” – aula 2

Com Carlos Ruas, chargista

Data: 19 de maio (quarta-feira)

Horário: 19h30 às 21h

Plataformas de exibição: Plataforma de reuniões Zoom, com inscrições no www.fundacaodolivroeleiturarp.com. As vagas são limitadas.

 

Núcleo de Contadores de Histórias, “Mar – profundeza e horizonte”

Com Monalisa Machado, contadora de histórias e atriz

Data: 22 de maio (sábado)

Horário: 10h

Plataformas de exibição: Plataforma de reuniões Zoom (https://us02web.zoom.us/j/87824241842) com transmissão para plataforma digital (www.fundacaodolivroeleiturarp.com) e Youtube (www.youtube.com/user/FeiraDoLivroRibeirao)

 

O projeto 40tena Cultural

O projeto 40tena Cultural, que começou em março de 2020 com uma programação consecutiva, já realizou mais de 100 atividades e interagiu com mais de 35 mil pessoas. O 40tena Cultural, realizado pela Fundação do Livro e Leitura de Ribeirão Preto, tem como proposta incentivar as pessoas a ficarem em casa durante o período de isolamento social, em virtude da pandemia do coronavírus (Covid-19). Semanalmente, são divulgadas atividades que abrangem desde as transmissões ao vivo com artistas e convidados até contação de histórias para crianças, shows, dicas e discussões de livros. Para acompanhar a programação semanal, basta acessar as redes sociais da Fundação do Livro e Leitura:

 

Instagram (@fundacaolivrorp)

Facebook (https://www.facebook.com/fundacaolivrorp)

Linkedin (fundacaolivrorp)

Twitter (@FundacaoLivroRP)

Youtube (FeiraDoLivroRibeirao)

Plataforma www.fundacaodolivroeleiturarp.com

 

Sobre a Fundação

A Fundação do Livro e Leitura de Ribeirão Preto é uma entidade de direito privado, sem fins lucrativos. Trata-se de uma evolução da antiga Fundação Feira do Livro, criada em 2004, especialmente para realizar a Feira Nacional do Livro da cidade. Hoje, é considerada a segunda maior feira a céu aberto do país. Em 2020, a Feira tornou-se internacional e entraria na 20ª edição. Por isso, recebeu recentemente nova identidade, apresentando-se como FIL (Feira Internacional do Livro de Ribeirão Preto), mas sua realização foi remarcada para agosto de 2021, devido à pandemia do novo Coronavírus.

 

Com uma trajetória sólida e projeção nacional e agora internacional, ao longo de seus 20 anos, a entidade ganhou experiência e, atualmente, além da Feira, realiza muitos outros projetos ligados ao universo do livro e da leitura, com calendário de atividades durante todo o ano. A Fundação se mantém com o apoio de mantenedores e patrocinadores, com recursos diretos e advindos das leis de incentivo, em especial do Pronac e do ProAc.


Copyright ©2018. Todos os direitos reservados.