RESENHA LITERÁRIA – WICKED de  Gregory Maguire 

3 de agosto de 2020 Livros e Séries
RESENHA LITERÁRIA – WICKED de  Gregory Maguire 

RESENHA LITERÁRIA – WICKED de  Gregory Maguire

Texto : Débora Carnevalli

É possível dizer que todos, sem exceção, já ouviram falar de O Mágico de Oz alguma vez na vida. Seja pelo filme de 1939 estrelado por Judy Garland ou por sua origem no livro de mesmo nome de L. Frank Baum. 

Mas não estamos aqui para falar de O Mágico de Oz, mas sim sobre suas bruxas. A famosa bruxa de pele verde que é conhecida como a vilã da história infantil de Baum. 

Em Wicked – livro escrito por Gregory Maguire –  o mundo de Oz é muito mais amplo do que o apresentado na história inicial. Amplo no sentido de cultura, religiões, preconceitos e o próprio sentido da maldade. Nossa personagem principal é debochada, inteligente e proativa e é isso que faz com que a história caminhe. 

Acompanhamos o nascimento de Elfaba, e a desilusão de sua família por ela não ser o menino que esperavam. Sua adolescência e início da vida adulta com o desenvolvimento de suas amizades e amores ; Também conhecemos como ela chegou ao seu trágico fim. 

Gregory Maguire trabalha perfeitamente bem com a obra original e dá sua própria marca para a história pelo tamanho da expansão de mundo que traz. Esse é um livro que pode não agradar a todos, especialmente os fãs de Baum por não ser um livro infantil como a obra original, é cheio de insinuações de cunho sexual e até dá uma passada de pano em alguns pontos mais pesados da história.

Ao todo vemos por que é um livro que inspirou um musical da Broadway, tem suas reviravoltas e nos faz pensar…será que as circunstâncias fizeram dela a temida Bruxa Má do Oeste ou foi somente ela sendo simplesmente maligna?  


Débora Carnevalli, tem 20 anos , é estudante de Letras e faz parte da equipe Revista  Ponto Jovem como Articulista para Mídias e Redes Sociais.


Copyright ©2018. Todos os direitos reservados.