Síndico profissional – Um mercado também para mulheres

6 de março de 2020 Profissões e Estágios
Síndico profissional – Um mercado também para mulheres

Síndico profissional Um mercado também para mulheres

Com o crescimento vertical e acelerado das grandes cidades, o mercado ainda carece de profissionais preparados para atuar nesse setor e as mulheres podem ocupar uma fatia cada vez maior desse mercado. .

Esse é um dos temas que o especialista, Ayrton Bicas, destaca. A sua abordagem sobre a formação do síndico profissional, em especial para formação de mulheres é antes de tudo uma valiosa prestação de serviço.

Elas estão ocupando cada vez mais espaço nesse mercado “florescente” e mais que favorável, afinal, ter a oportunidade de atuar profissionalmente, na maioria das vezes, dentro do próprio condomínio em que mora…ser remunerada e reconhecida pela eficiência e capacidade…Essa é uma oportunidade que muitas mulheres gostariam de ter. O especialista em gestão de condomínios e facilitador do curso de formação de síndicos profissionais, Ayrton Bicas, apoia e incentiva a formação de mulheres nessa área. 

Mas antes de falarmos sobre o assunto, vamos conhecer alguns dados estatísticos desse setor que cresce notadamente.

Ao levantarmos as características do mercado condominial, verificamos que temos na  capital Paulista aproximadamente 30.000 condomínios. Somente nos últimos 5 anos a cidade ganhou mais de 1000 condomínios.

Considerando ainda que na grande São Paulo temos perto de 48.000 condomínios, o que corresponde a 48.000 síndicos, concluímos que, a figura do síndico ainda na sua maioria é de moradores condôminos que abdicam de parte de seu tempo para gerir o condomínio,  assessorados por sua vez pelas suas administradoras.

É algo que consome muito tempo e desgasta muitas vezes a relação com outros condôminos, sem contar as extensas responsabilidades cíveis e criminais, que causam contendas que se estendem por após o término da gestão.

Com certeza  é um dos nichos de trabalho mais promissores e rentáveis, levando em consideração especialmente o crescimento imobiliário previsto em 2020.

A partir da larga experiência assessorando esse setor, o facilitador e especialista em gestão condominial, Ayrton Bicas, desenvolveu um curso completo, no qual aborda questões administrativas e jurídicas.

Destaque para atuação crescente das mulheres

Um dado interessante: 40% dos síndicos são mulheres, e essa tendência deve se ampliar nos próximos anos, pois trata-se um grande mercado para trabalho no caso de moradoras: seguro, bem remunerados e sem sair de casa.

Devido ao despreparo para as mais diversas questões administrativas, o especialista alerta e orienta sobre os cuidados, obrigações e responsabilidades deste profissional.

Formado em engenharia mecânica pela FEI e com cursos de extensão em Direito Condominial, Ayrton Bicas, aborda em seu curso diversos aspectos desse universo cheio de desafios, inclusive para elas, as síndicas.

Segundo ele, o conhecimento e acesso às informações, especialmente na esfera jurídica e cìvel formam a base para uma boa gestão e solução dos desafios do setor.

Ele alerta ainda sobre a necessidade de pensar e trabalhar esse tema nas capitais que crescem verticalmente em ritmo acelerado e carecem cada vez mais de profissionais preparados para atuar nesta área, na qual as mulheres, por sinal, são muito bem vindas.

Ayrton Bicas

Cursou engenharia mecânica pela FEI e possui cursos de extensão em Direito Condominial. Especializou-se em segurança condominial.

Participou de diversos simpósios sobre direito condominial.

Foi síndico em condomínios horizontais e verticais por diversas gestões.

Assessora diversos condomínios em estratégia condominial.

Facilitador do curso para síndicos profissionais.

Fone: 011 96309-0506        e-mail: ayrton.bicas@ifassessoria.com.br


Copyright ©2018. Todos os direitos reservados.